Um mulher de 27 anos foi encaminhada para o Hospital e Maternidade de Nova Olímpia, a 496 quilômetros de Sinop, depois de ser atingida por um tiro abdômen. Consta no Boletim de Ocorrências que o autor do disparo foi o próprio filho dela, uma criança de quatro anos de idade. Segundo o marido da vítima, ele estava com a mulher e os três filhos deles em uma mata, indo para um córrego onde a família realizaria uma pescaria.

Ainda segundo o homem, ele levou uma espingarda para a segurança da família, uma vez que iriam para uma área onde há animais silvestres. A arma é uma carabina modificada para o calibre 22. Em determinado momento, o casal deixou a arma encostada em galho para minhocas, quando a criança pegou a espingarda e atirou acidentalmente na mãe.

O tiro atravessou o braço da mulher e ficou alojado no abdômen. Depois disso, o marido levou a mulher para o hospital. As crianças foram levadas para a casa de parentes. A espingarda foi abandonada no local da pescaria. Depois que a polícia foi comunicada, o marido levou os policiais até o local onde a arma foi deixada.

A mãe ficou internada e deve ser transferida para o hospital de Tangará da Serra, a 519 quilômetros de Sinop. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil e é tratado como lesão corporal e porte ilegal de arma.

A arma de fogo foi apreendida pela Polícia Militar (foto: Reprodução)