A Viação Rosa, empresa responsável pelo transporte coletivo de Sinop, suspendeu suas atividades por tempo indeterminado. A medida tem como objetivo ajudar a conter o surto de coronavírus (Covid-19) que assola o mundo nos últimos meses. Segundo a empresa, a decisão segue uma recomendação do Ministério Público Estadual:

A recomendação do Ministério Público teve por base o exemplo da capital e de outras cidades em que o transporte foi suspenso para se dirimir o trânsito de pessoas e evitar a propagação do Coronavírus.

No último sábado (21), a prefeita Rosana Martinelli decretou situação de emergência no municipío com fechamento parcial do comércio, a empresa recebeu permissão para continuar operando, mas de forma controlada. Porém, para evitar possíveis riscos de contaminação, a Viação Rosa decidiu parar por completo, sem informar a previsão para o retorno das atividades.

Esperamos que a pandemia não alcance nossa cidade e que no prazo mais breve possível retornemos à nossas atividades.

Ainda no último sábado (21), o Governo do Estado decretou a proibição do transporte coletivo rodoviário intermunicipal de passageiros em Mato Grosso. A decisão é mais uma medida adotada pelo Executivo para o combate ao avanço do coronavírus. Com o decreto, ficam suspensas as viagens de vans e ônibus entre as cidades do estado, com exceção da região metropolitana de Cuiabá.

O decreto com a determinação foi assinado pelo governador Mauro Mendes depois de uma reunião com toda a equipe do Gabinete de Situação, criado para realizar o monitoramento e adoção de medidas de enfrentamento de emergência contra a proliferação do coronavírus em Mato Grosso.