Moradores dos bairros por onde a força tarefa contra a dengue da Prefeitura de Sinop já passou, mas ficaram fora das ações de vistoria por estarem fechados, poderão solicitar ao município nova averiguação. Segundo a prefeitura, pelo menos 40% dos quintais do bairro Jardim Violetas deixaram de receber a visita dos agentes públicos na primeira semana de mobilização do mutirão contra a dengue. Isso ocorreu tanto por estarem fechados quanto pela recusa do morador em abrir as portas.

Secretaria de Saúde de Sinop também iniciou uma fase de testes com um drones para vistoriar as casas fechadas durante os mutirões. De acordo com o órgão, a utilização do veículo aéreo não tripulado é uma das estratégias para tentar diminuir os focos do mosquito aedes aegypti no município.

A solicitação pode ser feitura através do aplicativo Se Liga Sinop, que pode ser baixado gratuitamente nas lojas de aplicativos dos celulares. O morador também pode solicitar a visita pelo site www.seligasinop.com.br, realizando o cadastro e seguir as instruções. Segundo a prefeitura:

Já com o login feito, deve-se acessar a opção “aedes aegypti” para ser direcionado ao próximo campo. Na área de “endereço”, o cidadão deve digitar o local para o qual deseja a vistoria. Em “descrição”, pode-se repetir o endereço, o nome do responsável pelo imóvel, telefone para contato e período mais apropriado para a vistoria do agente de endemias.

Foto: Ademir Specht

Entre segunda-feira (20) e quinta-feira (23), as equipes da força tarefa atuaram no Jardim das Oliveiras, Boa Esperança, Nações, Daury Riva, Alto da Glória, Umuarama 2, São Cristóvão, Nossa Senhora Aparecida, Vitória Régia, Jacarandás, Lisboa e Jardim Primaveras. Pelo menos 4.108 imóveis foram trabalhados/vistoriados; 2.192 estavam fechados. Em 92 imóveis foram encontrados e eliminados focos do mosquito. Em 32 ocorreram o tratamento com larvicidas.

O números da dengue

Do dia 01 ao dia 20 de janeiro de 2020, o município registrou 419 casos de dengue; desses, 14 tiveram sinais de alarme e quatro foram graves. Um morte causada pela doença também foi confirmada.

O cenário apresenta mais de 900% no aumento de casos registrados durante todo o mês de janeiro de 2019, no qual teve 41 casos confirmados. Segundo um levantamento da Secretaria Estadual de SaúdeSinop lidera o número de casos de dengue em Mato Grosso.

A população pode denunciar imóveis com suspeita de focos de dengue e locais com entulhos acumulados. O número de telefone é (66) 3511-1829. Também é possível utilizar o aplicativo Se Liga Sinop, que pode ser baixado em qualquer smartphone ou através do site www.seligasinop.com.br.

Os locais onde os focos do mosquito forem flagrados, de acordo com o grau de infestação, receberão multas de imediato. Nos casos considerados menos graves, o morador receberá uma pré-notificação, onde terá tempo se regularizar, mas correndo o risco de ser penalizado se o problema ocorrer novamente em uma próxima vistoria.


 a sua ajuda vale muito neste momento 

Nós trabalhamos todos os dias para que você se mantenha sempre muito bem informado. São dezenas de reportagens diárias e uma equipe de jornalistas focada em trazer as informações corretas, em tempo real. Nosso trabalho é pautado pela fiscalização do poder público, para garantir o seus direitos. Porque você merece saber a verdade sempre. E, se você acredita na importância do nosso trabalho, pode nos ajudar realizando pequenas doações para nossa equipe.

Você também pode nos ajudar a melhorar dizendo o que achou desta matéria. Sua opinião é muito importante.