O número de mortos em decorrência do coronavírus na Itália aumentou em 793 em um único dia, chegando a 4.825. A informação foi confirmada pelas autoridades de saúde do país neste sábado. Os números representam um aumento de 19,6%, o maior crescimento diário em termos absolutos desde o surgimento da epidemia um mês atrás.

Na quinta-feira, a Itália ultrapassou a China no número de mortes em decorrência do vírus altamente contagioso. O número total de casos na Itália subiu para 53.578 em relação aos 47.021 anteriores, um aumento de 13,9%, de acordo com a Agência de Proteção Civil. A região norte da Lombardia, a mais atingida, permanece em situação crítica, com 3.095 mortes e 25.515 casos.

Das pessoas originalmente infectadas em todo o país, 6.072 haviam se recuperado totalmente até sábado, em comparação com 5.129 no dia anterior. Havia 2.857 pessoas em terapia intensiva contra as anteriores 2.655.